quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

PERHAPS (João Paulo Feliciano Magalhães)


Às vezes o tempo é jocoso
Por me fazer cego
Diante do caos
Às coisas miúdas e colossais:
-- miúdas pela sua singeleza;
-- colossais pela sua beleza.

Contudo,
Com seus ventos boreais,
O tempo remove as travas de meus olhos
E mostra você.
E me transporta pra lugares onde só visitei
Com minha imaginação por vezes quixoteana.

2 comentários:

João disse...

Genial... artistas e pensadores sao criaturas a parte... sao genios, eu me enquadro como fotografo artista e obviamente genio tambem. Ainda por cima sou JOAO PAULO...HO'vida Genial.....

Modus Vivendis disse...

Hail, John.

I love the pictures you bind to your poetry.